NEWSLETTERS ORB TRANS



Comunicado - Greves RFB

21/08/2012

Auditores da zona secundária vão parar por quatro dias

 
 
Os Auditores-Fiscais da RFB (Receita Federal do Brasil), que desenvolvem atividades na zona secundária, voltam a paralisar suas atividades, dessa vez por quatro dias (22 23, 27 e 28). O Sindifisco já comunicou a paralisação à RFB (Receita Federal do Brasil) e ao secretário Carlos Alberto Barreto, a quem encaminhou Ofício, e à sociedade, com a publicação de um anúncio no jornal Correio Braziliense do último sábado (18/8).
Para não afetar os serviços essenciais à população, serão mantidos 30% do efetivo da zona secundária trabalhando normalmente. Já a zona primária continuará em operação-padrão. A paralisação de quatro dias foi aprovada na Assembleia do dia 15 de agosto, quando a categoria ainda não tinha recebido proposta do Governo.
No dia 17, o Governo apresentou uma proposta insatisfatória: 15,8% parcelados em três vezes até 2015. Uma realidade distante das perdas salariais que os Auditores sofreram por conta da inflação. Na próxima quarta-feira (22/8), uma Assembleia será realizada para avaliar a proposta de 15,8%, com encaminhamento contrário da DEN (Diretoria Executiva Nacional).
O Sinait (Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais do Trabalho) e a Anfip (Associação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil), que fazem parte da mesma mesa de negociação do Governo, também rejeitaram a proposta.
Antes das paralisações, os Auditores realizaram dias nacionais de advertência, e fortaleceram as mobilizações, desde o dia 18 de junho, com as operações crédito zero, na zona secundária, e padrão, na zona primária, de forma permanente.